Domingo com a criançada

19/11/2018 12:03

 

A manhã do domingo (21/10) foi especial para muitos associados do EC e suas famílias. Mais de 60 pessoas foram voluntárias na ação do Dia da Criança Imigrante, que aconteceu na Escola Estadual Marechal Deodoro, no bairro paulistano do Bom Retiro, e contou com cerca de 150 crianças filhas de mulheres imigrantes atendidas pelo Centro de Apoio e Pastoral do Migrante (CAMI).

 

“Foi um dia de encontro das famílias, uma oportunidade de ajudar, de dar exemplo, de ensinar, de aprender, de agradecer e também de se divertir com e como crianças”, conta Flávia Fernandes, especialista de SAP, que participou da ação com o marido e o filho Joaquim, de 4 anos.

 

Os pequenos se divertiram com as brincadeiras com bolas e bambolês, oficinas de massinha de modelar e de personalização de ecobags, pinturas dos rostos, plantio de mudas e mediação de leitura bilíngue – realizada em parceria com o Instituto Emília.

 

Enquanto as crianças se divertiam, as mães participavam de uma roda de conversas – atividade que é realizada mensalmente pelo CAMI sobre direitos humanos e melhores condições de trabalho e, nesta edição, abordou os direitos da criança – e conta com o apoio do Instituto C&A. As mulheres são trabalhadoras de oficinas de costura.

 

“Participar da ação como voluntário junto da Lilian, minha esposa, foi um dia inesquecível de acolhimento das crianças e de muita reflexão para nós. Minhas filhas, Lívia, de 8 anos, e Larissa, de 4 anos, aproveitaram para participar das atividades e tiveram a oportunidade de entender, ao menos um pouco, os desafios das crianças imigrantes e o quanto devemos estender as mãos. Agradecemos ao Instituto C&A pela oportunidade”, fala Ricardo Gomes, da área de Relações Sindicais.    

Confira as fotos

Você precisa estar logado para comentar e interagir!
Login ou Cadastre-se